Tauá: Tentativa de fuga frustrada

A Polícia Civil de Tauá está apurando como uma alavanca de aproximadamente 50 centímetros foi parar nas mãos de detentos de um dos xadrezes da Delegacia.

A ferramenta foi encontrada durante vistoria realizada no último domingo (22) nos xadrezes da DP.

Durante a noite, os inspetores de plantão escutaram um barulho que vinha de uma das celas onde também acontecia uma movimentação estranha. De imediato foram acionadas as equipes da PM e da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) para dar apoio numa revista nos xadrezes.

Durante a vistoria foram localizados 3 celulares, carregadores, pendrives, cossocos, uma pequena porção de maconha e outros artefatos.

Segundo os inspetores, a alavanca encontrada em poder dos detentos, estava sendo usada para cavar a parede de uma das celas. Os presos jogavam àgua na parede para facilitar a escavação. Um buraco estava sendo feito por onde os ocupantes da cela pretendiam fugir nas próximas horas, mas tiveram a intenção frustrada.

Atualmente os xadrezes da Delegacia de Tauá são ocupados por presos da Justiça das Comarcas de Aiuaba, Catarina e Quiterianópolis, que não possuem cadeias.

Lindon Johnson

Leia também

© 2018 – www.difusorataua.com.br – Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Auranet Hospedagem de sites