Tentativa de homicídio e grande apreensão drogas em Tauá

 

Por volta das 15h50 as Equipes da Ronda Ostensiva Municipal (ROMU) juntamente com o Policiamento Ostensivo Geral (POG), foram acionadas para averiguar uma denúncia de tentativa de homicídio no Conjunto Habitacional Domingos Gomes de Aguiar, próximo a Areninha, contra o vendedor de cestas básicas Isaú, conhecido popularmente por Guará.

O mesmo repassou os nomes dos envolvidos identificados como sendo: Antônio José Vieira do Nascimento, vulgo Dudu, e Antônio Veríssimo Germano de Lima, o Veríssimo.

O veríssimo foi preso em sua residência no Bairro Aldeota, enquanto o Dudu que reside próximo a quadra do Centro Gerencial do DNOCS, não foi localizado.

Porém, na casa do Dudu, foi apreendida uma grande quantidade de drogas, sendo 2,610 kg de crack, 454 gramas de maconha, 42 gramas de cocaína e 3 balanças de precisão.

Segundo as equipes que atenderam a ocorrência, tudo começou quando o Guará ameaçou sua companheira fazendo uso de uma faca. Após tomar conhecimento das ameaças, o irmão dela, o Dudu, chamou o amigo Veríssimo, e juntos tentaram assassinar o Guará, que teve o carro atingido com vários balaços.

Veríssimo esta sendo autuado na Delegacia, enquanto à Polícia está à procura do Dudu, que estaria de posse das armas usadas no crime.

A ocorrência que desencadeou a tentativa de homicídio e se transformou numa das maiores apreensões de drogas em Tauá, começou com um típico caso relacionado a Lei Maria da Penha.

BPRaio e Pró-Cidadania também prestaram apoio as equipes da PM e da ROMU.

 

Lindon Johnson

 

Leia também

© 2018 – www.difusorataua.com.br – Todos os direitos reservados.

Site desenvolvido por Auranet Hospedagem de sites